Série de matérias que analisa os Dinossauros em contraste com a religião.

Os dinossauros na Bíblia? Os dinossauros na história? Os dinossauros vivos hoje?.

As provas concretas da existência de Jesus Cristo.

Jesus Cristo existiu? Então prove! Nesta coletânea de matérias o Pesquisador Cristão promove uma viagem pela historia e arqueologia a fim de provar um Jesus bíblico e histórico incontestável.

As provas decisivas de que um dilúvio global aconteceu.

Série de matérias que propõem desvendar o Dilúvio bíblico, valendo-se de evidências na própria história, arqueologia, geologia e inúmeras outras fontes.

Cristão bíblico, ou cristão cultural? Qual deles é você?

Neste artigo o Pastor Samuel Yakov contrasta o cristianismo bíblico com o cristianismo cultural dos nossos dias, nos levando a refletir o quanto cristãos nós realmente somos.

A verdadeira face do Catolicismo revelada nesta série de matérias.

Através dos tempos o catolicismo tem adorado e seguido a outros deuses e pregado doutrinas anti-biblicas.

Sempre meninos contra gigantes


Sempre meninos contra gigantes

E, olhando o filisteu, e vendo a Davi, o desprezou, porquanto era moço, ruivo, e de gentil aspecto.
Disse, pois, o filisteu a Davi: Sou eu algum cão, para tu vires a mim com paus? E o filisteu pelos seus deuses amaldiçoou a Davi.
Disse mais o filisteu a Davi: Vem a mim, e darei a tua carne às aves do céu e às bestas do campo.
Davi, porém, disse ao filisteu: Tu vens a mim com espada, e com lança, e com escudo; porém eu venho a ti em nome do SENHOR dos Exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem tens afrontado.
Hoje mesmo o SENHOR te entregará na minha mão, e ferir-te-ei, e tirar-te-ei a cabeça, e os corpos do arraial dos filisteus darei hoje mesmo às aves do céu e às feras da terra; e toda a terra saberá que há Deus em Israel; (1 Samuel 17:42-46)


Sempre me deparei com passagens bíblicas que me surpreendiam por narrarem acontecimentos onde o mais fraco vencia o mais forte, ou mesmo onde pessoas que sofriam e estavam completamente desesperadas eram revestidas de autoridade divina e dominadas por um poder sobrenatural, acabavam por superar suas dificuldades de forma espantosa.

Assim é a vida com Deus! Assim são os que Ele escolhe para lutarem em suas guerras.

Mas há muito tempo atrás ao analisar as Escrituras notei que Deus parece sempre escolher o mais fraco.

Por que criastes o universo unicamente para mim?

Por que criastes o universo unicamente para mim?

"Não temas, ó bichinho de Jacó, povozinho de Israel; eu te ajudo, diz o Senhor, e o teu redentor é o Santo de Israel." (Isaías 41.14)

Eu nunca cheguei a pregar esta mensagem, mas confesso que os assuntos referentes à criação, as descobertas, e os porquês ocultos em Deus sempre me fascinaram.

Por isso escreverei este artigo de forma mais despojada, com minha alma e meu espírito derramados sobre minhas próprias expressões.

Não quero partir de um ponto de vista teológico ou discorrer na cosmologia, arqueologia, apologética ou lançar mão de qualquer outra ciência que amo e constantemente estudo, embora isso seja quase impossível quando tratamos de um tema como este.

Sim caro leitor! Isto é mais claramente um falar de Deus ao meu coração! Uma centelha do conhecimento profundo de alguém que sente um desejo quase sufocante de encontrar o criador face a face e deseja compreende-lo.

Por que Deus criou o Universo? O que somos nós mediante a esta tão grande obra? 

Certamente os ateus e céticos rangeriam os dentes a estas palavras, e eu também não os culparia. São apenas pequenas crianças insatisfeitas procurando por respostas assim como todos nós. Estes, porém resolveram optar pela solução mais fácil. Não existe Deus! Tudo veio do acaso e ao acaso voltará! O nada é a resposta empírica para tudo!

A linguagem do céu. O que farei por meus sonhos e promessas de Deus?

 

A linguagem do céu. O que farei por meus sonhos e promessas de Deus?


Ora, o SENHOR disse a Abrão: Sai-te da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei.

E far-te-ei uma grande nação, e abençoar-te-ei e engrandecerei o teu nome; e tu serás uma bênção.

E abençoarei os que te abençoarem, e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; e em ti serão benditas todas as famílias da terra.

Assim partiu Abrão como o SENHOR lhe tinha dito, e foi Ló com ele; e era Abrão da idade de setenta e cinco anos quando saiu de Harã. (Gênesis 12:1, au 4)


Às vezes não conseguimos entender porque Deus chama pessoas tão incapazes e as incentiva a realizarem obras tão fantásticas, as quais sabemos serem impossíveis para indivíduos que não preenchem os requisitos esperados para tais conquistas.

Nesta mensagem que preguei em nossa igreja, gostaria de juntamente com o caro leitor expor a vida do nosso pai na fé Abraão de uma forma que possivelmente alguns nunca tenham olhado.

Abraão o vencedor improvável.

Muitos lembram saudosamente da figura do patriarca Abrão como sendo um homem de notável fé, quando obedeceu a ordem do Senhor e decidiu sacrificar o seu único filho Isaque no monte Moriá. Deus então interveio e este acontecimento ficou gravado na historia da fé como sendo a maior de todas as atitudes que um homem poderia tomar, a fim de provar sua crença.

Abrão então é chamado de “pai na fé” (Gl. 3: 6-9). Sempre quando pensamos em Abrão depois deste acontecimento ele nos serve como inspiração e modelo de alguém que conseguiu conquistar o seu grande sonho e ser um vencedor.

Se Deus é amor, por que Ele mata?


Se Deus é amor, por que Ele mata?

Temos visto ultimamente várias publicações de autores na sua grande maioria ateus e céticos, com textos, livros, sites e revistas criticando Deus por sua posição “violenta” no Antigo Testamento.

Alguns até ousam afirmar que o Deus do Antigo Testamento não é o mesmo do Novo Testamento devido à posição e personalidade aparentemente diferentes.

Bom! Ateus e céticos falam e escrevem muitas coisas, mas praticamente tudo que escrevem ou discutem é completamente fora de contexto no que diz respeito à fé ou a Deus!

Estes escritos ateístas são PRODUZIDOS para minar a fé de muitos e construídos com o intuito de combaterem a existência coerente de um Deus, principalmente o Deus dos cristãos. Geralmente já partem da premissa de que Deus é uma fraude e por isso se atêm a qualquer texto sem nenhum contexto ou explicação.

Isto de forma alguma me surpreende ou me entristece. Pois como cristãos estudiosos dos textos bíblicos já sabíamos que tal coisa precisava ocorrer.